Ontem, 02 de agosto, alguns sites de notícias informaram que Sabrina Carpenter e seus pais (Elizabeth e David Carpenter) estão sendo processados por seus ex-empresários, Stan Rogow e Elliot Lurie, por supostamente não pagar as comissões devidas após demiti-los. Para uma informação detalhada sobre o caso, nossa equipe traduziu a matéria do The Hollywood Reporter que pode ser lida logo abaixo:

O processo se foca na cobrança da música da estrela da Disney.

A estrela da Disney, Sabrina Carpenter, está sendo processada por seus ex-agentes de música por supostamente não pagar as comissões depois que ela os demitiu.

Stan Rogow e Elliot Lurie estão processando Carpenter de 18 anos junto com seus pais e empresário, por quebra de contrato e estão buscando danos e restituição.

Rogow e Lurie dizem que foram contratados depois que Carpenter assinou com o empresário Bill Perlman porque ela queria aumentar sua representação na industria da música. Eles assinaram acordo de gestão musical em 2011, onde eles ganhariam metade da comissão de Perlman, de acordo com a denúncia apresentada quarta-feira no Tribunal Supremo de Los Angeles.

Carpenter assinou um acordo de cinco albúns com a Hollywood Records e fez o papel de Maya na série da Disney ‘Garota Conhece o Mundo’ — o que Rogow diz que aconteceu depois que ele falou pessoalmente com uma executiva do canal enquanto trabalhava com a jovem estrela.

“Os demandantes trabalharam incansavelmente para promover Sabrina e sua música até que seu trabalho foi terminado, sem motivo” o advogado Neville Johnson escreve na denúncia.

A dupla foi demitida em Agosto de 2014 e alega que há dividas de comissões. Eles dizem, sob o contrato de acordo de rescisão e liberação, que Carpenter deve uma parte de seus ganhos brutos e progressos em relação ao seus albúns Eyes Wide Open e Evolution.

Perlman não respondeu imediatamente ao pedido de pronuncia no tribunal.

Fonte: THR